sábado, 19 de abril de 2008

Night Mistery




Enigma Noturno


Caiu a noite, surgiram as estrelas

Na floresta piscam os vaga-lumes

A escuridão mostra suas belezas

as flores liberam delicados perfumes


Ao longe se escuta a farra das bacantes

Com puro vinho suas almas a inebriar

Com canto e dança, maestria emocionante

Junto aos prazeres vem para a noite saudar

Senti a brisa, soprada pelos ventos

Ouvi no escuro uma cigarra cantar

Que a magia se encontra nos momentos

Em que a alma a lua vem iluminar


Uma cigana sussurra aos meu ouvidos

O que ela viu em uma bola de cristal

Que há na noite um segredo escondido

Que livraria todas as vidas do mal


Esse enigma se chama fantasia

E é justamente o que deixamos para trás

É o mistério que a todos extasia

E é com isso que muitos já não se importam mais

Estamos deixando de lado a alegria

E o ser humano não sabe mais o que faz

Nós não queremos mais saber de nostalgias

Porém, nós vivemos dizendo que queremos paz


(Escrito por: Night Angel)



2 comentários:

Clau disse...

Oi querido Wess,
Estou encantada com teus escritos...
Quanta magia, beleza e profundidade!
Amei!
Beijo grande e vamos celebrar a lua cheia...
Clau

.Faah disse...

Noooossa! Escreveu bastante enquanto estive ausente!
Li tudinho *-*
Seus poemas são lindos, lindos, lindos, você é muito sensível e tem um olhar vasto.
Gostei do da bailarina.
Um abraço pra você, xuxu.
=)